Para não ser punido, Fluminense não relacionará jogador no clássico contra o Vasco

Decisão foi tomada após o clube consultar a CBF; Entenda:

Por O Dia

O volante Allan ficará de fora do clássico contra o Vasco
O volante Allan ficará de fora do clássico contra o Vasco -
Rio - Na dúvida, o Fluminense preferiu optar pelo caminho da precaução ao não relacionar Allan, para o clássico de sábado contra o Vasco. O volante só teve seu novo contrato publicado no BID nesta terça-feira, e por entender que o cumprimento da suspensão automática contra o Ceará, pelo cartão vermelho na 9° rodada do Brasileiro, poderia ser contestado, o clube optou por deixar o jogador de fora dos relacionados. Com isso, caso a situação ainda não estivesse regularizada, ele teria que cumprir a punição contra a equipe cruz-maltina.

A decisão se deu após uma consulta à CBF, onde ficou entendido que a decisão poderia ser interpretada de outra forma, o clube optou por não arriscar uma possível punição com perda de pontos. No jogo contra o Ceará, Yuri Lima foi o substituto de Allan.

A demora para a regularização do atleta foi provocada pelo atraso no envio dos documentos do jogador pela Federação Inglesa de Futebol, após a renovação do empréstimo junto ao Liverpool.

O Tricolor enviou todos os documentos na última quinta-feira, mas os ingleses só encaminharam a documentação de volta ao Brasil nesta terça-feira, quando o Fluminense pode concluir o processo de regularização. Para ter condições de entrar em campo, um jogador deve ter seu nome publicado no BID com o mínimo de um dia de antecedência, o que acabou gerando todo o imbróglio.
Allan chegou ao Fluminense em fevereiro deste ano. Antes, o volante que pertence ao Liverpool estava atuando pelo Eintracht Frankfurt, da Alemanha. Após o primeiro contrato de empréstimo que se encerrou no fim de junho, a equipe tricolor acertou um re-empréstimo.

Comentários