MP, TCE e Procuradoria do Estado vão gastar R$ 300 mil em curso para servidores

Apenas cinco membros de cada órgão participarão do curso em Lisboa

Por ADRIANA CRUZ

Apenas cinco membros de cada órgão participarão do curso em Lisboa
Apenas cinco membros de cada órgão participarão do curso em Lisboa -

RIO - Parece até que o governo do Estado está nadando em dinheiro. O Ministério Público (MP), a Procuradoria do Estado e o Tribunal de Contas do Estado (TCE), juntos, vão gastar quase R$ 300 mil para seus servidores participarem do curso 'Mecanismos de Prevenção e Combate à Corrupção na Administração Pública', organizado pela Associação da Faculdade de Direito da Universidade Nova de Lisboa (JURISNOVA), em Lisboa, Portugal, que começou ontem e termina sexta-feira. São só cinco membros de cada órgão. Apenas com passagens aéreas, o TCE informou que o investimento foi de R$ 47.542,27. Já o MP esclareceu que o total de diárias de cada representante sai em R$ 4.824,60. No caso da Procuradoria, o valor foi estipulado em R$ 4.642,62 por integrante. Segundo o órgão, a escolha de seus servidores foi do Procurador-Geral, Rodrigo Crelier Zambão da Silva, e submetido à aprovação do Conselho da Procuradoria Geral do Estado. Em contrapartida, o governador Luiz Fernando Pezão vive com o pires na mão.

Comentários

Últimas de Justiça & Cidadania