Justiça perde prazo para punir prefeito de Itaguaí

Charlinho já foi condenado a 16 anos e dois meses pelos crimes de quadrilha e contra a lei de licitação

Por ADRIANA CRUZ

CHARLINHO ITAGUAI
CHARLINHO ITAGUAI -

Condenado na 2ª Vara Federal Criminal a 16 anos e dois meses pelos crimes de quadrilha e contra a lei de licitação, o prefeito de Itaguaí, Carlos Bussatto Júnior, o Charlinho, vai sair quase ileso. É que o Tribunal Regional Federal da 2ª Região entendeu que a Justiça perdeu o prazo para puni-lo.

O Ministério Público Federal denunciou Charlinho em abril de 2013. Mas por decisão da Corte, Charlinho no máximo terá que prestar serviço a comunidade. A Procuradoria vai estudar se é possível recorrer. O tempo passa, o tempo voa e a lentidão da Justiça pode deixar muita gente numa boa. 

Comentários

Últimas de Justiça & Cidadania