Estudo revela estatística assustadora nas prisões do Rio de Janeiro

Levantamento da Defensoria mostra que, em 2017, número de mortes foi dez vezes maior que no ano de 1998

Por

presos
presos -

Rio - Levantamento da Defensoria Pública revela estatística assustadora nas prisões. No ano passado, o número de mortes foi dez vezes maior que o de 1998. Os dados fazem parte de ação na Justiça contra o Estado e Prefeitura do Rio. Se em 1998 foram 26 mortes, saltaram para 266 casos ano passado.

A população carcerária passou de nove mil para 51 mil no mesmo período. Para o coordenador do Núcleo do Sistema Penitenciário, Marlon Barcellos, a precariedade no serviço de saúde é uma das principais causas da mortalidade.

Comentários

Últimas de Justiça & Cidadania