Mais Lidas

Tribunal do Júri condena dois acusados de assassinato de vereador em Niterói

Lúcio da Nevada foi executado com sete tiros em outubro de 2012

Por ADRIANA CRUZ

Rio -O ex-PM Damião Washington da Silva Ferrejira e Marco Antônio Titoreli Barboas foram condenados ontem respectivamente a 26 e 25 anos de prisão pelo assassinato do vereador Lúcio Diniz Araújo, o Lúcio da Nevada, em outubro de 2012. Na decisão do 3º Tribunal do Júri, a juíza Nearis Carvalho, foi taxativa: "ânsia de poder e riqueza". O objetivo era perpetuar no cargo o suplente Carlos Alberto Macedo. "Verdadeiro atentado contra a Democracia (...) para impedir que a vítima, vereador legitimamente eleito pelo povo, assumisse o posto.

 

Lúcio Nevada foi executado com sete tiros na porta de casa no bairro de Santa Bárbara, em Niterói. O julgamento de Carlos foi marcado para o dia 12 de abril, às 13h. Após o julgamento a juíza decretou as prisões de Damião e Marco. Damião foi citado em relatório final da CPI das Milícias da Assembleia Legislativa, em 2008, que indiciou 226 pessoas.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários