Mais Lidas

'Tropa' de advogados auxiliará profissionais que atuam em processos militares

O atendimento é 24h

Por ADRIANA CRUZ

Rio - As reclamações de advogados de falta de acesso ao cliente e até ao Inquérito Policial Militar (IPM) nas Forças Armadas levaram o presidente da Comissão de Prerrogativas da Ordem dos Advogados do Brasil do Rio, Luciano Bandeira, a criar um núcleo no órgão com 12 delegados só para atender os profissionais que atuam em procedimentos da Marinha, Exército e Aeronáutica.

Segundo Bandeira, nos últimos três meses, foram registradas 30 denúncias de desrespeito aos direitos dos advogados. "É preciso respeitar a Constituição Federal. Então decidi reforçar esse atendimento", justificou. A Comissão funciona todos os dias através do e-mail prerrogativas@oabrj.com.br e pelo telefone do Plantão 99803-7726.  

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários