COFRE VAZIO

Por O Dia

A juíza da 42ª Vara Cível, Katia Cilene da Hora Machado Bugarim, determinou a penhora de 5% da renda bruta diária da Viton 44, dona das marcas Guaravita e Guaraviton, até o limite de R$ 9.561.852,48. O valor corresponde à dívida do contrato que a empresa firmou em 2014 com o Complexo Maracanã para ser o patrocinadora máster do estádio. Penhora online realizada nas contas da companhia encontrou apenas R$ 173.628,91.

Comentários