'Intervenção com investimento'

Advogado criminalista Marcos Espínola sustenta que é preciso intervenção do governo federal com investimento de recursos e utilização da Força Nacional e do Exército

mais lidas

Rio - Para resolver a escalada da violência que assusta a população, é preciso que as polícias recuperem a autoridade. Para isso, o advogado criminalista Marcos Espínola sustenta que é preciso intervenção do governo federal com investimento de recursos e utilização da Força Nacional e do Exército. O especialista argumenta ainda que a falta de investigação favorece os criminosos.

Marcos Espínola, advogado criminalista Divulgação

Como conter o descontrole da violência?

Investimentos na área de segurança pública e em investigação para identificar os criminosos.

Mas o estado não tem dinheiro para nada.

Mas não há como movimentar a segurança pública sem dinheiro. Noventa por cento das armas apreendidas são importadas. Agora, não adianta só prender, tem que investir em serviços sociais nos focos mais violentos. O Rio de Janeiro precisa de intervenção federal.

E como deve ser essa intervenção?

Com verbas e inteligência. É preciso o apoio do Exército, da Força Nacional e da Polícia Federal. A maior parte dos crimes é interestadual. Prende-se, mas o criminoso continua pertencendo às facções dentro da cadeia.

A arma longa é o maior problema?

Qualquer arma é um problema. É preciso resgatar a autoridade das policiais. Há confrontos em vários lugares. A segurança está sem controle.

últimas notícias

Relacionadas

    comentários

    Newsletter

    Receba gratuitamente o melhor conteúdo de O DIA no seu e-mail e mantenha-se muito bem informado