Presidente interina do TCE-RJ determina pente-fino em cargos da Corte

Oitente e nove funcionários cedidos de outros órgão nos sete gabinetes vão ter que apresentar o contracheque no Departamento de Recursos Humanos

mais lidas

Rio - A conselheira Marianna Montebello, presidente interina do Tribunal de Contas do Estado (TCE-RJ) desde que os conselheiros foram presos acusados de corrupção, determinou um pente-fino na Corte. Ou seja, 89 funcionários cedidos de outros órgão nos sete gabinetes vão ter que apresentar o contracheque no Departamento de Recursos Humanos.

Marianna Montebello determinou pente-fino no TCE-RJ Jorge Campos / Divulgação


O objetivo é evitar pagamentos acima do teto R$ 33.763 e identificar se há fantasmas. O TCE passa pelo momento mais delicado da sua história, atolado em relatos de corrupção pelo ex-presidente Jonas Lopes.

últimas notícias

Relacionadas

    comentários

    Newsletter

    Receba gratuitamente o melhor conteúdo de O DIA no seu e-mail e mantenha-se muito bem informado